Notícia interessante é Notícia Alternativa - Ciência/Saúde/Cultura/Tecnologia

Derretimento de geleira na Suíça revelou corpos de casal sumido há 75 anos

0 448

O encolhimento de uma geleira na Suíça revelou dois corpos congelados que podem ser de um casal desparecido há 75 anos.

Marcelin e Francine Dumoulin desapareceram depois de buscarem suas vacas nos Alpes em 1942. O casal teve sete filhos.

Sua filha mais nova, 79, disse que a notícia trouxe a ela uma “profunda sensação de calma” e queria dar-lhes o funeral que mereceram.

“Nós passamos toda a nossa vida procurando por eles”, disse Marceline Udry-Dumoulin ao diário Le Matin de Lausanne.

Um teste de DNA ainda não foi realizado.

A polícia local disse que os corpos foram descobertos na semana passada na geleira de Tsanfleuron, acima do resort Les Diablerets, por um trabalhador da empresa de teleféricos.

O diretor Bernhard Tschannen disse que seu empregado encontrou algumas mochilas, tigelas de lata e uma garrafa de vidro, bem como sapatos masculinos e femininos, e parte de um corpo debaixo do gelo.

Ele disse que era provável que o casal caiu em uma fenda e a forma como eles estavam vestidos implicava que eles poderiam estar lá por 70 ou 80 anos.

“Os corpos estavam deitados um ao lado do outro. Era um homem e uma mulher vestindo roupas do período da Segunda Guerra Mundial”, disse ele a Le Matin.

Foto:

suíça
Restos encontrados no gelo.

A Sra. Udry-Dumoulin disse que sua mãe, uma professora, nunca seguiu caminhadas com seu marido, um sapateiro, porque ela passava muito de sua vida adulta gravida e era um terreno difícil.

Ela disse que ela e seus irmãos foram colocados com famílias diferentes e perderam contato ao longo dos anos.

Ela disse ao jornal suíço que queria realizar um funeral há muito tempo aguardado.

Fonte: BBC