Qual a maior pepita de ouro já encontrada?

0 686

A maior pepita de ouro do mundo foi encontrada em 5 de fevereiro de 1869 na Austrália. Dois mineradores chamados John Deason e Richard Oats a descobriram enquanto mineravam.

A pepita foi chamado de “Welcome Stranger”, pesava 72 quilogramas (158,7 lbs) e tinha 61 centímetros (24 polegadas) de comprimento.

A peça foi quebrado antes de ser fotografada, pois era muito grande para caber na balança da London Chartered Bank em Dunolly. Os dois homens receberam cerca de £ 10.000 e o nugget foi derretido em barras de ouro.

A BBC News sugere que uma pepita semelhante valeria cerca de £ 2 milhões se encontrado hoje. A Pepita Canaa é o maior pepira de ouro ainda existente, pesando 60 kg (134 libras). Foi descoberto por Julio de Deus Filho no Brasil em 1983 e está em exibição no Museu de Valores do Banco Central em Brasília.

A “Mão da Fé” é o maior pepita de ouro já encontrado com detector de metal, encontrado por Kevin Hillier em 1980 na Austrália e vendido por mais de US$ 1 milhão. Atualmente, está em exibição em um cassino em Las Vegas e diz-se que contém 875 onças troy de ouro.

A unidade de peso troy é usada para pesar metais preciosos e jóias e é diferente do sistema avoirdupois, que é mais comum. Hoje, os preços do ouro podem ser dados por onças, mas geralmente se referem a onças troy.

Fonte: IFLS

Deixe um comentário

Esse site utiliza cookies para melhorar sua experiência Aceitar Leia Mais