Ursos polares podem estar passando fome – Saiba o motivo!

0 287

Os ursos polares dependem do gelo marinho para obter sua refeição primária: focas. Mas, à medida que a mudança climática derrete esse gelo, os ursos precisam trabalhar mais para encontrar presas, e isso está prejudicando a saúde deles.

Para descobrir o quanto os animais precisam comer, os cientistas capturaram nove fêmeas de ursos polares morando no Mar de Beaufort a cada primavera por 3 anos e tomaram amostras de sangue e outras medidas para avaliar o metabolismo dos ursos.

Em seguida, eles anexaram colares com GPS, câmera e acelerômetros para assistir os ursos em sua alimentação.

Os ursos polares que vivem no gelo marinho precisam comer mais de 12.000 calorias por dia, descobriu a equipe, que se traduz em pelo menos uma foca adulta – ou o equivalente a quase 220 Big Macs – a cada 10-12 dias.

Isso significa que os animais têm metabolismos mais elevados do que se pensava anteriormente. Eles também usam muita energia quando andam, mais do que animais de tamanho semelhante.

Os pesquisadores rastrearam os ursos por cerca de 10 dias e descobriram que eles caminhavam por mais de um quarto desse tempo.

Os ursos que mataram e comeram focas durante o estudo ganharam ou mantiveram peso, mas mais da metade dos ursos perderam peso e quatro perderam pelo menos 10% do peso corporal.

À medida que o gelo marinho continua a desmoronar, as demandas de energia podem ultrapassar a capacidade dos ursos de encontrar comida e, em última instância, levar ao seu desaparecimento, dizem os pesquisadores.

urso polar fomeA pesquisa foi publicada hoje pela SCIENCE.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Inscreva-se no Notícia Alternativa
Inscreva-se no Notícia Alternativa
Inscreva-se para receber mais notícias e atualizações
Você pode desativar quando quiser