Cientistas descobrem por que a teia de aranha é tão resistente – Entenda!

por que a teia de aranha artificial
0 13

Na próxima vez que você destruir uma teia de aranha, talvez possa pensar que ela não é tão resistente assim. Mas lembre-se que se trata de uma das substâncias mais fortes da natureza.

Agora, os cientistas sabem exatamente como esses fios de seda obtêm seu poder: através de milhares de fios ainda menores que se unem para formar a armadilha pegajosa.

Para descobrir como a maioria das teias de aranha é cinco vezes mais forte que o aço, os cientistas analisaram a seda que as aranhas marrons venenosas com microscópio de força atômica.

Eles descobriram que cada fio – que é 1000 vezes mais fino que um fio de cabelo humano – é composto de milhares de nano-fios, apenas 20 milionésimos de milímetro de diâmetro, relataram no mês passado na ACS Macro Letters.

Assim como um pequeno cabo, cada fibra de seda é composta inteiramente de nano-cadeias paralelas, que medem pelo menos 1 mícron de comprimento. Isso pode não parecer muito, mas em nanoescala, é pelo menos 50 vezes mais longa que essas fibras – e os pesquisadores acreditam que podem se esticar ainda mais.

A ideia de que as nanofibras compõem a seda de aranha já foi proposta antes, mas até agora, não havia evidências que sugerissem que as nanoestruturas estivessem na composição de uma fibra de seda.

A arma secreta da equipe era a seda única da aranha marrom, que, ao contrário da maioria, é uma fita plana em oposição a uma fibra cilíndrica, facilitando o exame sob a lente de um poderoso microscópio.

A nova descoberta

A nova descoberta baseia-se em uma pesquisa feita pela equipe no ano passado, que demonstrou como a aranha marrom reforça seus principais fios de seda com uma técnica especial de loop.

Equipada com uma minúscula fieira, como uma máquina de costura, a aranha tece cerca de 20 microloops em cada milímetro de seda que ejeta, o que fortalece o carretel pegajoso e evita o colapso.

Os pesquisadores dizem que, embora as fitas planas e a técnica de laço não sejam compartilhadas por todas as aranhas, seu estudo com aranha marrom pode ser uma janela para explorar as fibras de outras espécies.

Tais estudos poderiam abrir o caminho para a criação de novos materiais que poderiam ser usados ​​em medicina e engenharia. Mas a seda sintética de aranha tem sido notoriamente difícil de criar em laboratório.

Enquanto isso, os pesquisadores esperam que o trabalho deles nos ajude a desenrolar um dos materiais mais difíceis do mundo natural.

Fonte: Science Magazine

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More