Notícia interessante é Notícia Alternativa - Ciência/Saúde/Cultura/Tecnologia

O que acontece quando seu pé dorme? Entenda!

0 298

Quando você deixa seu pé em uma posição desconfortável por um longo tempo, você o sente adormecido, tornando difícil de levantar-se. Quando isso acontece, costumamos dizer que o nosso pé está dormindo.

Essa perda de sentimento, também comum nos braços, é causada pela “compressão temporária dos nervos”, diz Dra. Rebecca Traub, professora assistente de neurologia da UNC School of Medicine. Quando o nervo é comprimido, ele não conduz os sinais para a coluna e cérebro corretamente.

Os nervos carregam sinais elétricos como a água através de uma mangueira, diz Dr. Steven Vernino, professor de neurologia no centro médico do sudoeste da Universidade do Texas.

Os sinais são transmitidos ao cérebro a partir de uma parte específica do corpo, que reconhece essa mensagem e, em seguida, envia uma resposta.

Por exemplo, se você tocar em um fogão quente, os nervos em sua mão irão disparar um sinal para o cérebro, onde é interpretado como dor, fazendo com que você puxe a mão para trás.

Da mesma forma que a água fica presa quando você torce uma mangueira, sinais em seus nervos motores não podem se mover se suas pernas estão cruzadas.

“Um nervo comum na perna que é comprimido é o nervo fibular”, escreveu Dr. Traub, “que percorre o lado do joelho e muitas vezes fica comprimido quando as pessoas sentam com as pernas cruzadas por um período prolongado.”

Erro comum

É um equívoco comum pensar que a sensação de dormência é causada por uma falta de suprimento de sangue, diz Dr. Traub.

É possível cortar o fluxo de sangue para o membro, mas isso é raro, acrescenta Dr. Vernino.

O formigamento ou “agulhadas” que as pessoas experimentam acontece quando os nervos estão recuperando função.

Leia mais

Seu pé ou membros estão “acordando”. Em termos médicos, isso é conhecido como parestesia. O desconforto, que às vezes é doloroso, geralmente faz com que você mude sua posição.

A maioria das pessoas pode se mover e aliviar a pressão sobre seus nervos.

Mas se “alguém não é capaz de se mover ou está sedado, eles podem ter ferimento permanente no nervo devido a esse tipo de compressão”, diz Traub.

Fonte Science Altert