Notícia Alternativa
Notícia interessante é Notícia Alternativa - Ciência/Saúde/Cultura/Tecnologia

Mitocôndrias paternas são destruídas na fertilização.

0 200

Biologicamente falando, levamos mais de nossas mães do que de nossos pais. Agora pesquisadores descobriram porque as mitocôndrias paternas são destruídas.

Mitocôndrias paternas são destruídas na fertilização. – Homens e mulheres contribuem com quantidades iguais ao material genético da prole. Na maioria dos animais a mitocôndria – onde a energia química é liberada em células – provêm exclusivamente a linhagem materna. O fato de que as mitocôndrias do esperma não são passadas tem sido um mistério de longa data. Mas agora os cientistas podem ter descoberto o motivo.

A equipe internacional de pesquisadores observou que se a mitocôndria paterna permanecem após a fertilização, há uma chance de sobrevivência mais baixa para o embrião. A descoberta foi publicada na revista Science.

A equipe utilizou microscopia eletrônica e tomografia para olhar a fertilização de Caenorhabditis elegans, um tipo de lombriga. Eles estavam tentando ver quando exatamente os fagossomos, estruturas celulares que podem quebrar parte inútil das células, começam a atacar as mitocôndrias do esperma. Surpreendentemente, a equipe descobriu que as mitocôndrias paternas estavam já parcialmente destruídas quando isso aconteceu.

Link 100% seguro

A descoberta

A descoberta sugere uma origem interna para o botão de autodestruição. Quando os investigadores analisaram eles descobriram que o DNA mitocondrial paterno tem um gene. Ele é denominado CPS-6, e é ativado no momento da fertilização. Cps-6 ​​ativa uma enzima que digere primeiro a membrana interior e, posteriormente destrói o DNA mitocondrial.

Para testar a importância deste gene, a equipe fez uma engenharia genética no esperam de C. elegans de modo que ativaram o gene em fases posteriores. Eles descobriram que essa mudança aumentou a taxa de mortalidade das crias por cinco a sete vezes.

O fato de que os embriões poderia morrer se a mitocôndria paternas sobreviver nos diz que os embriões que as mantêm por mais tempo têm uma desvantagem evolutiva.

Embora este estudo foi realizado em lombrigas, cps-6 tem um gene equivalente em seres humanos. É chamado de endonuclease G. Esse gene já tem sido implicado no câncer, envelhecimento, e doenças neurodegenerativas.

Fonte: Science

Inscreva-se no Notícia Alternativa
Inscreva-se no Notícia Alternativa
Inscreva-se para receber mais notícias e atualizações
Você pode desativar quando quiser