A revolucionária imunoterapia contra o câncer – Entenda!

0 526

A imunoterapia contra o câncer, a ciência de mobilizar o sistema imunológico para matar o câncer, é perseguida há mais de um século. No entanto, apenas recentemente essa poderosa estratégia finalmente tomou o centro das atenções na oncologia atual.

Os últimos anos testemunharam respostas clínicas sem precedentes, desenvolvimento rápido de medicamentos e aprovações inéditas da Food and Drug Administration dos EUA.

Relatos de pacientes com câncer terminal que desafiam as probabilidades e alcançam remissões completas estão se acumulando.

Essas histórias de sucesso são o culminar de décadas de pesquisa meticulosa de cientistas e médicos pioneiros. Imunoterapias recentemente aprovadas incluem drogas que podem manipular componentes do sistema imunológico e métodos para manipular geneticamente linfócitos T de pacientes para reconhecer e atacar seus tumores.

Os pesquisadores estão correndo para expandir o uso da imunoterapia para beneficiar mais pacientes com câncer. Mas ainda não está claro por que apenas um subconjunto de indivíduos respondem ao tratamento e como melhor alcançar remissões sustentáveis.

Centenas de ensaios clínicos estão em andamento para ver se as respostas melhoradas podem ser alcançadas por abordagens de terapia combinada.

Desvendar as bases celulares e moleculares da resistência ao tratamento deve facilitar o planejamento racional de novos estudos baseados em mecanismos.

Avanços no sequenciamento do genoma estão identificando biomarcadores preditivos e facilitando o desenho de vacinas personalizadas que visam neoantígenos tumorais específicos de pacientes.

Essas linhas de pesquisa, junto com as crescentes evidências de que o microbioma intestinal desempenha um papel determinante na resposta à imunoterapia, estão mapeando caminhos inovadores em direção à medicina verdadeiramente personalizada.

Fonte: Science