Nasa registra fenômeno raro: o gelo verde

0 42

As fotos do gelo verde foram tiradas pelo Operational Land Manager (OLI), um instrumento que voa no satélite de observação Landsat 8, o satélite de observação terrestre americano.

OLI toma imagens de uma vasta área da paisagem da Terra, e em 16 dias todo o planeta é fotografado.

As imagens são tiradas em uma resolução alta o suficiente para distinguir características como centros urbanos, fazendas, florestas e outros usos da terra.

No dia 5 de março de 2017, a OLI tirou fotos do porto de granito da Antártica – uma enseada nas proximidades do Mar de Ross. As fotos mostram o gelo verde.

gelo verde
O raro gelo verde

Dr. Jan Lieser, cientista de gelo marinho do Centro de Pesquisas Cooperativas sobre o Clima e Ecossistemas Antárticos da Austrália, disse que acredita que a cor verde é causada por fitoplânctons na superfície da água que tem dado a coloração do gelo.

O fitoplâncton – também chamado microalgas – são plantas marinhas microscópicas que flutuam na parte superior do oceano onde a luz solar penetra na água.

Leia mais

Eles são semelhantes às plantas terrestres, pois contêm clorofila e dependem do sol para sobreviver e crescer.
Eles normalmente florescem em águas ao redor da Antártica na primavera e no verão do Hemisfério Sul, quando a borda do gelo do mar recua e há mais luz solar.

Mas os pesquisadores têm notado que eles podem crescer no outono também, tendo em conta as condições adequadas.

Os fatores que podem afetar se o fitoplâncton crescem em quantidades suficientemente grandes para serem visíveis do espaço incluem gelo do mar, ventos, luz solar, disponibilidade de nutrientes e predadores.

No início de 2017, não havia muito gelo ancorado ao litoral, o que é pensado para ajudar a “semente” do crescimento do fitoplâncton.

Os ventos e luzes do mar favoreceram o crescimento e recriaram condições semelhantes às anteriores que sustentavam as florações.

Fitoplânctons são importantes para a ecologia do oceano enquanto alimentam o zooplâncton, peixes, baleias e outras espécies marinhas.

Fonte: Daily Mail

Comentários

Loading...