Seis mil galinhas se defendem e matam invasor – Confira!

0 1.128

Uma gangue furiosa de galinhas em uma fazenda de aves na França é suspeita de matar uma raposa que entrou em sua gaiola à procura de comida.

A informação foi dada pela agência francesa “Agence France-Presse (AFP)”. Na noite de 6 de março, acredita-se que a jovem raposa tenha entrado em um galinheiro em uma escola de agricultura em Pontivy, sem dúvida esperando encontrar algum jantar.

Infelizmente para a raposa, ele foi recebido por 6.000 galinhas que não estavam com vontade de brincar.

Em cenas que fazem a Revolução Francesa parecer mansa, a multidão de galinhas atacou o opressor e o bicou até a morte.

“Lá, no canto, encontramos essa raposa morta”, disse Pascal Daniel, chefe de agricultura da escola Le Gros Chêne, à AFP. “Houve um instinto de rebanho e eles o atacaram com seus bicos.”

“Tinha golpes no pescoço, golpes de bicos”, disse ele.

Falando ao jornal local Ouest France, Daniel acrescentou: “As galinhas podem ter chegado em massa e a raposa ficou surpresa, em pânico”.

As galinhas estão alojadas no exterior, durante o dia, no quintal biológico ao ar livre. Isso não significa que eles estão passando seus dias fazendo yoga. “As galinhas estão lá desde julho, há mais de sete meses, e provavelmente aprenderam a se defender”, acrescentou Daniel.

Fonte: AFP

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More