Notícia interessante é Notícia Alternativa - Ciência/Saúde/Cultura/Tecnologia

Saiba o que fazer para diminuir o risco de AVC.

0 10

Exercitar-se regularmente e ter a quantidade certa de sono a cada noite, reduz significativamente o risco de uma pessoa sofrer acidente vascular cerebral.

Tentando encontrar um fator protetor ao risco de AVC, pesquisadores norte-americanos analisaram dados de quase 289.000 pessoas que tiveram o sono monitorado entre 2004 e 2013. O sono dos participantes foi avaliado bem como o envolvimento com a atividades físicas (caminhadas, ciclismo e jardinagem)

O estudo descobriu que aqueles que tinham uma quantidade média de sono – sete a oito horas por noite – eram 25% menos propensos a sofrer um acidente vascular cerebral.

avc

No entanto, o mesmo não se pode dizer quando não se dorme o suficiente ou se dormem por muito tempo. Na verdade, aqueles que tem mais de oitos horas de sono por noite, eram 146% mais propensos a sofrer um acidente vascular cerebral, enquanto que aqueles que dormiam menos de sete horas por noite tinham 22% mais probabilidade.

Quando a quantidade adequada de sono foi combinado com exercício físico regular, o risco de acidente vascular cerebral caiu ainda mais. Aqueles que dormiram por sete a oito horas por noite e empreendeu exercício vigoroso por 30-60 minutos três a seis vezes por semana tiveram um risco significativamente reduzido de sofrer um acidente vascular cerebral.

Um acidente vascular cerebral ocorre quando o suprimento de sangue para o cérebro é interrompido, privando-o de oxigênio. Como resultado, algumas das células do cérebro morrem e outras são danificados. Uma em cada seis pessoas terá um AVC em alguma fase da sua vida.

Detalhes destes resultados foram apresentados na associação americana de derrame International Stroke Conference 2016, em Los Angeles.

Fonte: Irish Health