Causa do mal de Parkinson está relacionado com o intestino.

0 24

Nova pesquisa indica que a causa do mal de Parkinson pode estar no trato gastrointestinal e chegar ao cérebro através do nervo vago.

 

Causa do mal de Parkinson. “Temos realizado um estudo de registro de quase 15.000 pacientes que tiveram o nervo vago em seu estômago cortado. Entre aproximadamente 1970-1995 este procedimento era um método muito comum de tratamento da úlcera. Se é realmente correto que a causa do mal de Parkinson começa no intestino e se espalha através do nervo vago, então esses pacientes devem, naturalmente, ser protegidos contra o desenvolvimento da doença de Parkinson”. Explicou o pós-doutorado na Universidade de Aarhus Elisabeth Svensson na hipótese por trás do estudo.

Uma hipótese que acabou sendo correta

causa do mal de Parkinson
Nervo vago em amarelo. Causa do mal de Parkinson está relacionado com esse nervo.

“Nosso estudo mostra que os pacientes que tiveram o nervo vago cortado foram protegidos contra a doença de Parkinson. O risco foi reduzido para metade após 20 anos. No entanto, os pacientes que só tiveram uma pequena parte do nervo vago cortada não mostraram-se protegidos. Isso também se encaixa na hipótese de que o processo da doença é fortemente dependente do nervo vago total ou parcialmente intacto para ser capaz de atingir e afetar o cérebro “, diz ela.

 

O projeto de pesquisa acaba de ser publicada na revista Annals of Neurology internacionalmente reconhecida.

O primeiro exame clínico

Leia mais

A pesquisa apresentou uma forte evidência de que a doença de Parkinson começa no trato gastrointestinal e espalha-se através do nervo vago para o cérebro. Muitos doentes também sofriam de sintomas gastrointestinais antes do diagnóstico de Parkinson ser feito.

“Os doentes com doença de Parkinson apresentavam frequentemente prisão de ventre muitos anos antes de receberem o diagnóstico. Isso pode ser um marcador precoce da ligação neurológicas e gastrintestinais relacionada com o nervo vago,” diz Elisabeth Svensson.

Hipóteses anteriores sobre a relação entre Parkinson e do nervo vago levaram a estudos com animais e estudos de células no campo. No entanto, o presente estudo é o primeiro e maior estudo epidemiológico em seres humanos.

O projeto de pesquisa é uma peça importante do quebra-cabeça em termos da causa do mal de Parkinson. No futuro, os pesquisadores esperam ser capazes de usar o novo conhecimento para identificar fatores de risco para a doença. Dessa forma, prevenir a doença.

“Agora que temos encontrado uma associação entre o nervo vago e o desenvolvimento da doença de Parkinson, é importante a realização de pesquisas sobre os fatores que podem desencadear esta degeneração neurológica. Para que possamos prevenir o desenvolvimento da doença. Se pudermos fazer isso será, naturalmente, um grande avanço “. Diz Elisabeth Svensson.

Fonte: Annals of Neurology

Comentários

Loading...