Notícia Alternativa
Notícia interessante é Notícia Alternativa - Ciência/Saúde/Cultura/Tecnologia

Composto encontrado no azeite de oliva pode suprimir tumores cerebrais

0 238

Um composto encontrado no azeite de oliva pode ajudar a prevenir o desenvolvimento de câncer no cérebro, revela um estudo.

A pesquisa sobre o ácido oleico – o principal ingrediente no azeite – mostrou como isso pode ajudar a prevenir que os genes causadores de câncer funcionem nas células.

A substância oleosa – uma de um grupo de nutrientes conhecido como ácidos gordurosos – estimula a produção de uma molécula celular cuja função é prevenir a formação de proteínas causadoras de câncer.

A equipe do estudo diz que é muito cedo para dizer se o consumo dietético de azeite pode ajudar a prevenir câncer no cérebro. Suas descobertas, no entanto, apontam para possíveis terapias baseadas no óleo para evitar que o câncer cerebral ocorra.

Link 100% seguro

Cientistas da Universidade de Edimburgo analisaram o efeito do ácido oleico em uma molécula celular, conhecida como miR-7, que é ativa no cérebro e é conhecida por suprimir a formação de tumores.

Eles descobriram que o ácido oleico evita que uma proteína celular, conhecida como MSI2, e interrompe a produção de miR-7. Desta forma, o componente de azeite suporta a produção de miR-7, o que ajuda a evitar a formação de tumores.

Os pesquisadores fizeram suas descobertas em testes em células humanas vivas no laboratório. O estudo, publicado no Journal of Molecular Biology.

O Dr. Gracjan Michlewski, da Faculdade de Ciências Biológicas da Universidade de Edimburgo, que liderou o estudo, disse: “Embora ainda não possamos dizer que o azeite na dieta ajuda a prevenir o câncer cerebral, nossos achados sugerem que o ácido oleico pode aumentar a produção de moléculas supressoras de tumor em células cultivadas no laboratório. Outros estudos poderiam ajudar a determinar o papel que o azeite poderia ter na saúde do cérebro “.

Fonte: Eurekalert

Inscreva-se no Notícia Alternativa
Inscreva-se no Notícia Alternativa
Inscreva-se para receber mais notícias e atualizações
Você pode desativar quando quiser