Aranhas comem número astronômico de insetos – Veja o número

0 31

Um novo estudo revela algumas estimativas impressionantes sobre o quanto as aranhas do mundo comem anualmente: entre 400 e 800 milhões de toneladas de insetos e outros invertebrados.

No processo, estes carnívoros de oito patas desempenham um papel importante para manter inúmeras pragas de insetos, especialmente nas florestas e áreas de pastagens, sob controle.

Isto é de acordo com as descobertas do Dr. Martin Nyffeler da Universidade de Basileia na Suíça e Dr. Klaus Birkhofer da Universidade de Lund na Suécia e da Universidade de Tecnologia de Brandemburgo Cottbus-Senftenberg na Alemanha, publicado no jornal Springer, The Science of Nature.

Usando dados de 65 estudos anteriores, Nyffeler e Birkhofer estimaram quantas aranhas são atualmente encontradas em sete biomas no planeta. Sua conclusão: no total, há cerca de 25 milhões de toneladas métricas de aranhas. A maioria são encontradas em florestas, pastagens e matagais, seguidas de terras de cultivo, desertos, áreas urbanas e áreas de tundra.

Os pesquisadores então usaram dois modelos simples para calcular a quantidade de presas que todas as aranhas do mundo como um todo matam por ano.

As abordagens da pesquisa

Em sua primeira abordagem, eles levaram em conta o quanto a maioria das aranhas geralmente precisam comer para sobreviver, bem como os dados do censo sobre a média de biomassa de aranha por metro quadrado nos vários biomas.

Leia mais

A segunda abordagem foi baseada em observações de captura de presas no campo, combinadas com estimativas de números de aranha por metro quadrado. De acordo com suas extrapolações, 400 a 800 milhões de toneladas de presas estão sendo mortas por aranhas a cada ano.

Para uma ideia de quanto isso é, ter em conta o seguinte: todos os seres humanos juntos consomem cerca de 400 milhões de toneladas de carne e peixe anualmente. As baleias alimentam de 280 a 500 milhões de toneladas de frutos do mar, enquanto a população total de aves marinhas gasta cerca de 70 milhões de toneladas de peixes e outros frutos do mar.

De acordo com cálculos adicionais, aranhas em florestas e pastagens representam mais de 95 por cento da matança anual de presas da comunidade global de aranhas. O número reflete o fato de que as florestas, pastagens e savanas são menos frequentemente perturbadas do que, por exemplo, áreas agrícolas ou urbanas e, portanto, permitem uma maior biomassa de aranha.

Segundo os pesquisadores, as aranhas não são apenas predadores importantes, mas também são valiosas fontes de presas. Entre 8.000 e 10.000 outros predadores, parasitoides e parasitas se alimentam exclusivamente de aranhas, enquanto as aranhas ao mesmo tempo formam uma parte importante da dieta de um estimado de 3.000 a 5.000 espécies de aves.

“Esperamos que essas estimativas e sua significativa magnitude levantem a conscientização pública e aumentem o nível de apreciação pelo importante papel global das aranhas nas redes alimentares terrestres”, acrescenta Dr. Nyffeler.

Fonte: Science Magazine

Comentários

Loading...