Notícia interessante é Notícia Alternativa - Ciência/Saúde/Cultura/Tecnologia

Em apenas duas semanas adoçantes artificiais aumentam risco de diabete

0 326

O uso de adoçantes artificiais em vez de açúcar pode aumentar o risco de diabete em apenas duas semanas, sugere uma nova pesquisa.

O estudo mostra que esses suplementos podem alterar a resposta do corpo à glicose, aumentando o risco da condição que atinge somente entre os britânicos 4 milhões de pessoas.

Estudos anteriores associaram alta ingestão de edulcorantes a um maior risco de diabetes,
mas a nova pesquisa, apresentada em uma conferência em Lisboa, investigou os mecanismos por trás da associação.

Este estudo, liderado pela Escola de Medicina de Adelaide na Austrália, envolveu 27 pessoas saudáveis ​​que receberam edulcorantes – equivalente a 1,5 litros de bebida dietética ou um placebo inativo.

No final de duas semanas, foram realizados testes com exames de níveis de absorção de glicose, glicemia, insulina e peptídeos intestinais.

A equipe descobriu que os suplementos fornecidos, como a sucralose – que é comumente comercializado – viram uma resposta aumentada em todas as frentes.

Nenhuma dessas medidas foi alterada nos voluntários que receberam o placebo.

O estudo determinou que apenas duas semanas de edulcorantes eram suficientes para fazer a diferença.

O autor principal, Dr. Prof Richard Young, disse: “Este estudo apóia o conceito de que os adoçantes artificiais poderiam reduzir o controle do corpo nos níveis de açúcar no sangue e destaca que o potencial de níveis de glicose pós-refeição exagerados em usuários dos NAS (adoçantes artificiais não-calóricos) poderia predispor a desenvolver diabetes tipo 2 “.

Os resultados foram apresentados na reunião anual da Associação Europeia para o Estudo do Diabetes em Lisboa, Portugal.

Fonte: Telegraph.co.uk

Leia mais